“Esta é a tempestade perfeita para a mídia tradicional”, diz analista